*** Sanctus...Sanctus...Sanctus *** E é importante apoiar-se numa comunidade ,mesmo que seja virtual,porque entre aqueles e aquelas que a compõem,encontram-se os que estão nos tempos em que o dia vai ganhando, pouco a pouco, à noite. Irm.Silencio

terça-feira, 28 de julho de 2009

"Batei e abrir-se-vos-á..."


Hoje coloquei esta fotografia no meu portfólio do Mil imagens. O título poderia ter sido outro qualquer, mas foi exactamente "Batei e abrir-se-vos-á..." o que os meus dedos teclaram, os dedos e o coração. Um dos "pedidos" que o nosso querido Irmão Silêncio fez foi que sempre que passassemos perto do "Prisioneiro do amor" fossemos fazer-lhe um pouco de companhia. Durante muito tempo eu fiz do caminho que passa frente à capela do aeroporto o meu caminho, parava, entrava e ficava uns poucos minutos alí muitas das vezes apenas a olhar o sacrário, outras a resmungar e outras a pedir colinho e outras a dizer "desculpa, eu sei que mesmo quando resmungo, quando digo a frase que tantas vezes a minha Mãe dizia no meio das suas aflições "Jesus fazei com que eu te veja" nas minhas aflições eu sei que mesmo sem Te "ver" Tu estás pertinho, Tu me tens ao colo como nas "Pegadas na areia". Lembro-me muitas vezes do livro do Queiruga quando penso nas orações pedido, no Tu saberes melhor que ninguém o que preciso, mas sim, eu gosto de Te puxar de vez enquando a barra do Teu manto, de Te dizer: não Te esqueças dos que amo e hoje quando dei título a esta foto mal sabia que te iria mais uma vez fazê-lo, tu sabes..., sei que sabes...mas deixa-me pedir-te, deixa-me puxar-te a barra do manto, coloca no caminho dos por quem Te peço os Samaritanos que eles precisam, que estes se façam instrumentos da Tua vontade...Amen
Hoje, depois de ter colocado esta foto no Mil e antes de saber que iria ter as notícias que me fazem pedir-Te o que te peço fiz meu caminho o caminha da capela e foi tão bom estar alí em silêncio só a olhar-te Prisioneiro à nossa disposição, nós que tantas vezes passamos e não paramos. Obrigada por estares.

4 comentários:

Maria - Portugal disse...

À sombra das Tuas asas nos abrigamos,Senhor canta o salmo 35 das laudes de hoje.

Penso que na tua partilha te refiras em especial à Lila,por cuja intenção tb estou em oração.

Confiemos no Pai das misericórdias,sim e como aquela mulher puxemos a barra do manto do Filho,sim.

Lua dos Açores disse...

Graças a Deus!!!!


O menino nasceu esta madrugada.


Vou continuar a puxar a barra do manto. O Padrinho da Ângela precisa.

Confiemos.

vp disse...

Que linda partilha e tb que milagre o nascimento que é sempre milagre...sim, Ana, sempre a orla do manto...

Ou então n valeria a pena chamá-Lo de PAI...

Continuemos em oração... o Senhor sabe...

vp disse...

Deixei uma partilha no me blog ..talvez respondendo ao "desafio" da nossa Irmã Maria sobre a Graça... lá é mais fácil para mim e assim chega a todos que queiram ler...

Abraços fortes